segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Qual o valor da vida?

 
A ASPP/PSP tem alertado o poder político para as consequências do desinvestimento na instituição PSP. A falta de orçamento para responder às necessidades de progressão na carreira e a falta de investimento têm sido factores de desmotivação interna, mas também de preocupação com o futuro da própria polícia.
Recentemente, numa carta enviada ao primeiro-ministro, a ASPP/PSP alertava para a possibilidade de algumas instalações, devido ao avançado estado de degradação, poderem vir a colocar em causa a vida dos polícias.
Esta semana, tivemos o exemplo da queda dos tectos do edifício da Quarta Divisão da Polícia de Lisboa, que felizmente não feriu ninguém. A quantidade de vezes que os polícias já assistiram à queda de partes de edifícios e o receio de que um dia o cenário possa ser mais dramático já levou este sindicato a recorrer às entidades estrangeiras, através de queixas contra esta política que roça a irresponsabilidade.
Percebemos que os problemas não podem resolver-se de uma vez só, mas já não aceitamos que a vida dos polícias fique em causa pelo desinteresse da parte dos responsáveis políticos.
Por: Paulo Rodrigues, Presidente da Associação Sindical dos Profissionais de Polícia
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/opiniao/qual-o-valor-da-vida

4ª Jornada de Criminolog​ia - 14 e 15 Novembro

 
 

PARCERIA ASPP/PSP
HÁ VANTAGENS PARA INSCRIÇÕES ASPP/PSP
 
Informações e Inscrições: http://jornadacriminologia.ufp.edu.pt/



MANIFESTAÇÃO NACIONAL DE POLÍCIAS


INFORMA-SE OS POLICIAS INTERESSADOS EM PARTICIPAR NA MANIFESTAÇÃO DA ASPP/PSP NO PRÓXIMO DIA 06 DE NOVEMBRO, QUE HÁ TRANSPORTE A SAIR DA ALAMEDA DO DRAGÃO, PORTO, PELAS 13H00.
CASO HAJA PESSOAL SUFICIENTE (50 PESSOAS) PODE COLOCAR-SE TRANSPORTE NOUTROS LOCAIS DO DISTRITO. CONTACTEM O DELEGADO SINDICAL DA ASPP/PSP DA VOSSA ESQUADRA, PARA INFORMAÇÕES OU RESERVA DE LUGAR, PODEM AINDA CONTACTAR DPORTO@ASPP-PSP.PT OU 228 325 036, 962 076 137 / 917 767 028
A LUTA CHAMA POR NÓS, A FASQUIA ESTÁ MUITO ALTA, RESIGNAÇÃO, APATIA, PROTAGONISMOS, DIVISIONISMOS FICAM PARA DEPOIS...

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Instalações sanitárias: Bela Vista


Notícia JN 15-10-2012

sábado, 13 de outubro de 2012

Que Polícia?

image    As novidades previstas no OE para 2013, no que diz respeito à PSP e aos polícias, são desastrosas. Caso o OE venha a ser aprovado sem alterações para a PSP, nomeadamente nos cortes no apoio à saúde, no passe social e no congelamento das pré-aposentações, o Governo colocará em causa o funcionamento da PSP, com consequências graves na segurança interna. Com este OE, o Governo quer reduzir drasticamente, por via directa e indirecta, o salário dos polícias sem reflectir nas consequências.

   Desde 2010 que os orçamentos para a PSP têm diminuído face às suas necessidades, o que tem muitas vezes condicionado a gestão interna com prejuízos diversos para os polícias e segurança pública. No entanto, o OE para 2013 vai mais longe, prevê uma completa machada-da na operacionalidade. Numa altura em que o crime está mais violento, mais grave e mais sofisticado, as medidas que o Governo quer implementar vão envelhecer o efectivo da PSP, aumentando de forma significativa os polícias com mais de 55 anos. A pergunta é: como vai a PSP, no futuro, gerir polícias com cerca de 60 anos para cumprir a função operacional?

Paulo Rodrigues, Presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia

clip_image003Crónica semanal no Jornal Correio da Manhã

PARTILHAR 

Manifestação Nacional de Policias-6 NOV2012

204442_472848672755071_1121253889_oMANIFESTAÇÃO NACIONAL DE POLICIAS
6 DE NOVEMBRO DE 2012
17H30
Largo de Camões-Lisboa
Mostra a tua indignação pelos cortes brutais nos teus direitos
COMPARECE !

   ASPP/PSP agendou para o dia 06 de Novembro de 2012, uma manifestação.

Quanto à participação e ao envolvimento compete a TODOS os polícias (sindicalizados, não sindicalizados), mesmo aos que em nada acreditam, e mesmo aos que acreditam, mas que "travam" nas devidas alturas e pelas mais variadas razões.

Apela-se à divulgação, participação, mobilização e argumentação desta iniciativa, como prova da nossa razão e contra ataques sucessivos e certezas de mais austeridade.

Está nas nossas mãos...

DIA 06 NOVEMBRO - TRANSPORTE COM SAÍDA DO PORTO (ALAMEDA DO DRAGÃO)-13h00

OBS, PODERÁ EXISTIR SAÍDA DE OUTROS PONTOS DO DISTRITO, CASO HAJA O NÚMERO QUE O JUSTIFIQUE.

Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado!!!

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Segurança em causa

 

Foi anunciada pelo ministro das Finanças uma série de medidas de austeridade que agravarão ainda mais a qualidade de vida dos portugueses. Simultaneamente, foram anunciados novos cortes na área da segurança.
Parece incrível que, apesar de todos os alertas feitos por diversas entidades, entre as quais a ASPP/PSP, e das notícias relacionadas com a falta de condições materiais e humanas na PSP, ainda se pense em cortar no orçamento da Instituição.
 
Anunciar medidas economicistas para este sector só pode significar um profundo desconhecimento ou uma enorme dose de irresponsabilidade. Menos orçamento para esta área poderá significar voltar a uma Polícia do passado, que ninguém quer recordar. Ainda reside na memória uma PSP a viver da caridade de particulares para assegurar o funcionamento ou para responder às necessidades individuais dos polícias, com reflexos no cumprimento da missão.
 
A ASPP/PSP não pode aceitar este cenário e reagirá a qualquer redução de orçamento que venha pôr em causa a segurança, a credibilidade ou dignidade da PSP e dos polícias.

Por:Paulo Rodrigues,
Presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia

Videos diversos

>